WordPress 2.6

Foi lançado o WordPress 2.6, um pouco mais rápido do que o previsto. Já está disponível também em português do Brasil. O WordPress é o sistema para gerenciamento de blogs mais popular, com diversos recursos, que o torna um CMS mesmo para um pequeno site.

Baixe em:

http://br.wordpress.org/

Algumas novidades da versão 2.6:

  • Revisões de posts: Cada vez que um artigo é salvo ou modificado, o WordPress guarda uma cópia da versão anterior. As versões podem ser vistas pelo autor (e opcionalmente copiadas), permitindo recuperar algo que você tenha se arrependido de apagar, por exemplo.
  • Gerenciamento de plugins: Agora ficou mais fácil ativar ou desativar grupos de plugins, e são listados separadamente os ativos e os que estão desativados.
  • Melhorias na listagem de temas, agora com paginação.
  • Pré-visualização dos temas no painel, agora você pode ver como ficaria o blog com determinado tema sem precisar aplicar a alteração (que de outra forma seria vista por todos os visitantes).
  • Mais opções de avatares, e escolha do avatar padrão (quando alguém que comentar não tiver uma imagem de avatar).
  • Adicionado um contador de palavras no editor, à direita.
  • Suporte ao Gears, uma extensão para Firefox ou IE (no futuro provavelmente em outros navegadores também). Se você ativar o recurso Turbo, alguns arquivos da administração serão salvos no seu navegador, otimizando a velocidade de carregamento e execução das tarefas.
  • Entre várias melhorias internas e na interface de edição de textos, gerenciamento de galerias de imagens, etc.

Na versão 2.5 o sistema teve uma modificação radical na interface de administração, de forma que algumas coisas precisavam ser ajustadas. A nova versão 2.6 torna o ambiente mais agradável.

Vale a pena ver um vídeo com um breve tour sobre as novidades:

http://wordpress.org/development/2008/07/wordpress-26-tyner/

Para atualizar uma instalação existente, é bom fazer backup dos arquivos e da base de dados. Substitua todos os arquivos pelos novos (mantenha o wp-config.php, que de qualquer forma não vem no pacote), depois acesse a página /wp-admin/upgrade.php pelo navegador. Durante a atualização o blog pode ficar indisponível para os visitantes, normalmente leva apenas o tempo de você substituir todos os arquivos e atualizar o banco de dados. É recomendável desativar os plugins antes da atualização, e reativá-los após ter o blog funcionando. Particularmente nunca segui isso, e nunca tive problemas. Os maiores problemas devem ocorrer se você usar uma versão muito antiga do WordPress, com plugins que não funcionam nas novas.

Guia do Hardware

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: